Avançar para o conteúdo principal

Em Destaque

DO CLÁSSICO AO FANCY - ELEMENTOS CHAVE PARA UMA DECORAÇÃO DE SONHO

Durante muitos anos, as casas nobres eram decoradas com mobilias clássicas, feitas à mão e com materiais muito ricos e não era qualquer pessoa que os conseguia adquirir. Hoje em dia estes elementos continuam na moda, com algumas modificações que permitem conjugá-los com outros objetos decorativos, criando um ambiente único. Do quarto à sala existem vários tipos de móveis clássicos que conseguem mudar facilmente a decoração da divisão. Nomeadamente os sofás e cadeirões que podem ser usados junto à cama como habitualmente se vê, ou separadamente como se fossem apenas assentos. Passando para o quarto (a minha parte preferida) podemos encontrar diversas cabeceiras que dão toda uma personalidade à cama. Está na moda este tipo de cabeceira, almofadada com um contorno em prateado, dourado ou branco. Algumas das minhas preferidas: Ainda no quarto, temos também um movél essencial que completa toda esta decoração clássica e dá um toque clean: o toucador. No meu quarto não dispenso este móvel, pr

Tudo o que precisas de saber sobre a Tailândia

Nos próximos posts vou-vos falar um pouco da minha viagem à Tailândia. A minha primeira e recente viagem, a viagem que me marcou muito positivamente.
Vou criar vários tópicos de maneira a que vos consiga ajudar, e também vou tentar ser o mais explicita possível ao abordar os mil e um temas.

A Tailândia é um pais no sudeste asiático que faz fronteira com vários países como, Laos, Myanmar, Cambodja e Malásia. Para mim estes países são super interessantes para visitar, e existe muita gente a visitar a Tailândia e alguns destes países numa viagem só, mas para isso é preciso no mínimo dos mínimos um mês e mesmo assim, na minha opinião, é pouco, tendo em conta que a Tailândia só por si já tem imensa coisa para ver.

Grand Palace, Bangkok
Na Terra dos Sorrisos, assim muitas vezes designada, a religião praticada por todos ou quase todos é o Budismo, levam a religião muito a sério e com muito respeito, e tem algumas regras que tem que ser cumpridas por todos, incluindo turistas.
O tailandês é a língua oficial da Tailândia e é a principal língua de comunicação, raramente vão encontrar um tailandês a falar inglês, digo-vos isto por experiência própria, falar inglês é quase impossível, eles não sabem falar e mal percebem, basicamente a comunicação que utilizei na maioria da vezes foram gestos, linguagem gestual resulta sempre. Isto aplica-se à maioria das pessoas, mas é claro que os funcionários dos hotéis, e os condutores dos Taxis, Tuc-Tucs, eles percebem o mínimo e alguns até falam bem.
A moeda na Tailândia é o Bath, e a meu ver compensa muito viajar para este pais, porque é tudo super barato, desde a comida a alojamento, gasta-se muito pouco. Quando forem cambiar o dinheiro aconselho-vos a pesquisarem um pouco sobre isso porque em alguns sítios pagam muito de taxas e acabam por perder dinheiro sem necessidade. (Nos próximos posts irei dar dicas de casas de câmbio, para trocar o dinheiro na Tailândia.)
Em relação ao governo e à politica deste país, trata-se de uma monarquia constitucional, em que o Rei é que manda. Existe alguns territórios, incluindo praias, que são do Rei, e ninguém está autorizado a pisar, caso contrário são punidos com uma multa elevada. Mas não se preocupem que se passarem perto destes territórios vão ver placas com essa indicação. Já agora, refiro também que é uma ofensa pisarem dinheiro, caso o vosso dinheiro caia ao chão lembrem-se de não o pisar como é costume fazermos quando uma moeda cai ao chão, pisarmos para ela parar.
Sobre o clima, a melhor altura para viajar para a Tailândia é de Novembro a Fevereiro, raramente apanham chuva. Nesta altura é considerado Verão, o tempo está seco, faz mesmo muito calor, e se quiserem ir nesta altura passar férias, preparem-se porque os preços ficam mais elevados já para não falar dos turistas a triplicar.
A comida, tem de tudo um pouco, desde tailandesa a europeia, eu aconselho-vos a visitarem sempre mercados ou bancas de rua, a comida tailandesa é muito boa, eles cozinham muito bem e é muito mais barata que a comida europeia. Não faz sentido, na minha opinião irem visitar um pais e não experimentarem a sua gastronomia. É um risco, claro que é mas temos que correr riscos!
O povo. O povo Tailandês, em geral, é magnifico, são super atenciosos, simpáticos e respeitam muito os outros. Cumprimentam-se sempre unindo as mãos no peito, como um gesto de oração, e inclinam a cabeça para baixo, olá diz-se wai e é um sinal de respeito.

Para não me alongar mais, sim porque há muita coisa para dizer, deixo o restante para os próximos posts. Se for do fosse interesse saber mais acerca da Tailândia, acompanhem o meu blog.

Beijinhos,
Márcia

Comentários

Publicações em Destaque

Publicações mais vistas

Publicações mais visitadas